Bikes & Treinos de Atletas!

Por J.D Edde

J.D.Edde em ação no kitesurf, no surf, e no dia em que estreou as pedaladas na Blitz MTB Colorado!

Atletas de esportes aquáticos como o surf   e  o  kitesurf,  que dependem  de variáveis da natureza para praticarem seus esportes, descobriram na bike uma excelente aliada para manter o preparo físico em momentos em que o mar não está para peixe!

Blitz MTB Colorado: uma boa pedida para quem quer treinar curtindo as trilhas da vida!

A bicicleta é comprovadamente uma eficaz ferramenta de treinamento de baixo impacto para impulsionar  a  força das pernas,  melhorar  a  resistência cardiovascular,  e garantir preparo físico em dia.  As preferidas  da  galera  são  as  speeds,  bikes de estrada,  e  as mountain bikes.

Eu mesmo, de vez em quando, pego as trilhas do Parque Nacional da Tijuca com uma Blitz MTB Colorado. Desta forma, eu me mantenho em atividade, independente do kite, e ainda relaxo!

O surfista Ian Walsh treina com uma mountain bike e ama! Foto: Instagram @ian.walsh

Surfistas como Julian Wilson Top do WT, Ian Walsh (ondas grandes) e Albee Layer, entre outros, estão sempre se jogando nas estradas da vida:

— Quando as ondas estão ruins, eu realmente gosto de andar de mountain bike. Já faço isso há alguns anos. É bem diferente do surf.  Eu costumo ir sozinho;  estaciono meu carro;  subo na floresta e não vejo outra pessoa por horas. É super divertido sair e acabar  se  perdendo por lá  (não há serviço de celular),  porque você consegue adrenalina total,  mas também acaba sendo meditativo.

(Trecho de uma entrevista de Albee Layer para a Surfer Magazine).

Albee Layer: mountain bike reforça as pernas para enfrentar incríveis jaws! Foto: cdn.surfer.com

Uma dica importante para quem quer treinar na estrada é verificar, próximo de onde mora, se  há  equipes  organizadas  de  bicicleta.  Para  quem  prefere  a mountain bike,  a melhor pedida é  se informar na internet  sobre as trilhas disponíveis, checar para qual delas está apto, de acordo com o grau de dificuldade de cada uma, e se “jogar”.

Bom pedal!

J.D.Edde

Edição: Maria Doria